• CLIQUE NAS FOTOS E VEJA AS HISTÓRIAS POR TRÁS DE CADA SORRISO!

    .

    Sorriso 184



    Ela ajeitou seu cartaz, o tripé para o microfone e a caixinha de som.
    Confesso que vi de relance, pois a gente ia para outro lugar e estávamos só de passagem pela maior avenida do país.
    Mesmo no sábado por ali tem gente à beça.
    Em seu cartaz ela fazia uma cara emocionada, batom vermelho, olhando para baixo, envolta num paetê laranja.
    Alessia Barbosa ia começar seu show.
    A fome era grande e a promessa dos sabores de uma das melhores padarias do país, ali pertinho, não deixaram que a gente parasse.
     Na volta, barriga lotada, ouvimos o som de longe.
    - Brasil, mostra a sua cara!
    Chegamos perto ainda a tempo de ver Alessia Barbosa chutando o ar e fazendo uma coreografia ousada.
    - Brasil!
    Ela terminou a música apontando para o alto, braço parecendo que sairia do corpo. Um gesto triunfal.
    A meia dúzia de pessoas que assistiam aplaudiu com fervor. Eu junto.
    - Obrigada meu publico!
    E foi ela mudar o CD, procurar uma nova faixa e se enrolar um pouco com a tecnologia.
    A cada nova música, uma nova emoção, uma entrega total.
    Cantar por cantar, por uns trocados, por atenção, por nada, pra ela mesmo, por aplausos e por sorrisos...
    - Pra que mentir, fingir que perdoou.
    Nesse momento pedi a foto e ela atravessou um pouco sua canção. Era preciso dar atenção ao fã. Retomou sem perder a pose. Mesmo diante do tropeço o público foi gentil com ela, aplaudiu com energia no final e Alessia agradeceu emocionada.
    Maravilha isso de ter como palco a própria vida. 

    2 sorriram também:

    1. Você tem um olhar fantástico sobre essa diversidade cultural que comove.
      Adorei!

      ResponderExcluir

     

    Visualizações dos sorrisos

    Seguidores